Projeção no consumo global de petróleo este ano foi elevada em 100 mil barris por dia (bpd), a 5,5 milhões de bpd

Previsões de um novo super ciclo do petróleo são exageradas, uma vez que os estoques globais da commodity permanecem bem acima dos níveis de um ano atrás, quando a pandemia de covid-19 começou a prejudicar a demanda, afirmou a Agência Internacional de Energia (AIE).

Em relatório mensal publicado nesta quarta-feira, a AIE elevou sua projeção de aumento no consumo global de petróleo este ano em 100 mil barris por dia (bpd), a 5,5 milhões de bpd. Ao mesmo tempo, a agência previu que a produção dos EUA cairá 180 mil bpd em 2021, após sofrer queda de 600 mil bpd no ano passado.

A AIE revisou para baixo sua estimativa de acréscimo na oferta de países fora da Opep+ – formada pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e aliados que incluem a Rússia – neste ano em 130 mil barris por dia (bpd), a 700 mil bpd.

Em fevereiro, a oferta global de petróleo teve retração de 2 milhões de bpd, a 91,6 milhões de bpd, de acordo com a AIE.

Ainda no relatório, a AIE estima que o cumprimento do acordo de restrição da oferta pela Opep+ ficou em 121% em fevereiro, à medida que a produção do grupo diminuiu 640 mil bpd no último mês.

A agência também calcula que os estoques de petróleo da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sofreram queda de 14,2 milhões de barris em janeiro, a 3,02 bilhões de barris.

Fonte: Estadão Conteúdo

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Na Petrobras, semana termina com Silva e Luna eleito para a presidência

O novo Conselho de Administração da Petrobras, renovado parcialmente no começo desta semana, se reúne esta sexta-feira, 16, para decidir quem assumirá como novo presidente da companhia.

Preço do etanol é mais vantajoso que o da gasolina em 4 estados, diz ANP

Os preços médios do etanol na semana encerrada no sábado (14) mostraram-se…

Em manutenção, refinaria da Petrobras em Minas Gerais é alvo de movimento grevista

Os petroleiros da Refinaria Gabriel Passos (Regap), em Betim (MG), iniciaram nesta segunda-feira uma greve por tempo indeterminado, em um momento em que a unidade da Petrobras (PETR3; PETR4) passa por atividades de manutenção programada.