Dados apresentados em boletim mostram que foram comercializados 2,14 bilhões de litros do produto ante 1,81 bilhão na safra passada. Para consultor, pandemia de Covid influenciou no comparativo entre os meses.
Foto: Reprodução/EPTV

A venda de etanol por usinas da região Centro-Sul cresceu 18,4% durante o mês de abril em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados estão no boletim quinzenal da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

De acordo com o levantamento, em meio a um cenário de queda na produção, foram comercializados 2,14 bilhões de litros do produto ante 1,81 bilhão na safra passada.

A maior parte deste ano foi vendida para o mercado interno (2,07 bilhões) e o restante foi exportado.

Segundo o consultor em agronegócio José Luís Coelho, o aumento em abril em relação a 2020 ocorre por conta da pandemia de Covid e a base de comparação entre os meses é melhor devido às restrições do ano passado. Com as pessoas em casa, segundo ele, a demanda pelo combustível foi menor.

“Nessa mesma época, no ano passado, estava quase todo mundo em casa devido ao fechamento do comércio e distanciamento social. Com o início da retomada da atividade econômica em 2021, [o aumento nas vendas] parece um grande crescimento, porém a base do ano anterior é que era reduzida”, afirma

Recuo na produção

Segundo a Unica, na primeira quinzena de abril, quando a safra da cana-de-açúcar 2021/2022 começou, a queda na produção de etanol foi de 25%.

No acumulado do mês, o recuo foi de 22,14% em relação ao ano passado, passando de 2,59 bilhões de litros para 2,01 bilhões, segundo o boletim.

Do total produzido em abril, o etanol hidratado representa 1,56 bilhão e o anidro, misturado à gasolina, equivale a 6,16 milhões.

Para Coelho, o cenário acarreta em aumento de preço do combustível para o consumidor, mesmo na safra. Em Ribeirão Preto (SP), centro de uma das principais regiões produtoras de etanol do Brasil, o valor chegou a R$ 4,39 nesta semana.

“A menor oferta de cana combinado com aumento de consumo está resultando em preços maiores hoje, do que na entressafra, que chegou em R$ 3,60”, explica.

Etanol teve recuo de produção nas usinas do Centro-Sul — Foto: Reprodução/EPTV

Etanol teve recuo de produção nas usinas do Centro-Sul — Foto: Reprodução/EPTV

Moagem da cana em queda

O boletim da Unica também apontou que, no acumulado de abril deste ano, a moagem da cana-de-açúcar fechou em queda de 25,44% no comparativo com abril de 2020. Foram produzidas 45,26 milhões de toneladas do produto contra 60,7 milhões.

Para a União, a baixa ocorre pelo atraso no início da safra 2021/2022 e pela falta de chuvas. Embora o clima seco favoreça a colheita mecanizada, o desenvolvimento da lavoura foi prejudicado pelo período prolongado de estiagem.

Os dados também refletem na produção de açúcar, que apresentou queda. O montante passou de 3 mil toneladas em abril do ano passado para 2,14 mil toneladas em abril deste ano, recuo de 28,51%.

Colheita de cana-de-açúcar na região de Ribeirão Preto — Foto: EPTV/Reprodução

Colheita de cana-de-açúcar na região de Ribeirão Preto — Foto: EPTV/Reprodução

Fonte: G1

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Liberação de veículos leves a diesel volta à pauta da Câmara

A Comissão de Minas e Energia (CME) da Câmara dos Deputados vai realizar uma audiência para discutir a liberação da comercialização de veículos leves movidos a óleo diesel, a pedido do deputado Paulo Ganime (Novo-RJ).

Petrobras confirma ofertas da 3R Petroleum e da Eneva por Polo Urucu

A Petrobras (PETR4) informou ao mercado nesta sexta-feira (4) que realmente recebeu…

Governo reformula área de biocombustíveis e promete nova coordenadoria

Uma mudança na estrutura do Departamento de Biocombustíveis (DBio) do Ministério de Minas e Energia (MME) promete impactar no andamento de políticas ligadas ao setor, inclusive as relacionadas com o agronegócio.

ANP debate resultados da resolução sobre transparência de preços na cadeia de combustíveis

A ANP realizou hoje (13/10) o Workshop de Avaliação da Resolução ANP nº…