Petróleo encerra a semana anterior em alta.

Cotação do Petróleo 22/06/2018

O Brent (Londres) encerrou a ultima semana com aumento de 3,07%, cotado a US$ 75,64/bpd. Acumulado do mês de Junho/18 é de queda de 2,29%.

O WTI (EUA) encerrou a ultima semana com aumento de 6,54%, cotado US$ 69,32/bpd. Acumulado do mês de Junho/18 é de aumento de 3,65%.

Seguindo a politica de preços da Petrobras, hoje o diesel sofreria uma queda em suas refinarias de 0,25%. Entretanto, os reajustes da Petrobras no diesel estão congelados até dia 31/07.

Veja o gráfico abaixo das movimentações do petróleo durante o mês de Junho.

A Organização de Países Exportadores de Petróleo disse em comunicado que o grupo retomará o comprometimento de 100 por cento dos cortes de produção acordados anteriormente, o que na prática representaria aumento de produção. A Opep não deu um volume específico.

Esse aumento real da oferta, entretanto, gera uma tendência altista para as cotações do petróleo, já que fica abaixo de volumes que estavam sendo discutidos antes da reunião.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

CBios já subiram quase 45% em setembro na B3

Os preços dos Créditos de Descarbonização (CBios) romperam a estabilidade registrada desde o início do ano, período em que se mantiveram abaixo de R$ 30 por tonelada de carbono, e dispararam em setembro na B3.

Preço dos combustíveis deve continuar elevado em 2022, diz XP

A XP divulgou projeção de alta para os combustíveis, que devem continuar em um patamar alto pelos próximos meses, considerando a alta do preço do petróleo no mercado internacional, câmbio em R$ 5,20 no ano e em R$ 5,10 em 2022 e escassez de etanol, que são utilizados para reajustar preços na Petrobras.

Defasagem dos preços da gasolina diminui, mas do diesel se mantém, aponta Abicom

Os preços da gasolina praticados pela Petrobras no mercado brasileiro hoje têm uma defasagem média de 6% em relação aos preços internacionais, apontou levantamento da Associação Brasileira de Importadores de Combustíveis (Abicom).