© Reuters.

Investing.com – Os estoques de petróleo dos EUA caíram menos do que o esperado na última semana, disse a Administração de Informação de Energia (EIA, na sigla em inglês) na quarta-feira (12).

Os estoques de petróleo caíram em 427.000 barris na semana passada, em comparação com as expectativas dos analistas de uma queda de 2,817 milhões de barris.

Os estoques de destilados, que incluem diesel e óleo para aquecimento, caíram em 1,733 milhão de barris na semana, contra as expectativas de uma queda de 1,080 milhão de barris, mostraram os dados da EIA.

O refino de petróleo caiu 223.000 barris. A taxa semanal de utilização das refinarias caiu 0,4%, de acordo com o relatório da EIA.

Os estoques de gasolina aumentaram em 378.000 barris na semana passada, disse a EIA, em comparação com as expectativas de uma queda de 600.000 barris.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

ANP retoma hoje (23/10) o Levantamento de Preços de Combustíveis

A ANP retoma hoje (23/10), a partir das 18h, a publicação semanal do Levantamento de…

Preço do diesel sobe 5% e o do GNV avança 16,8% em uma semana, diz ANP

O diesel subiu 5% na semana passada contra a semana anterior, chegando a ultrapassar os R$ 6 o litro no Norte do país, após o fim da isenção de impostos federais.

Petróleo Brent toca máxima de dois anos e barril nos EUA tem maior valor desde 2018

Os preços do petróleo continuaram seu rali nesta quarta-feira, em meio a sinais de forte demanda por combustíveis em economias ocidentais e com perspectivas de um retorno dos barris do Irã ao mercado diminuindo, após o secretário de Estado dos Estados Unidos ter afirmado que é improvável que sanções contra o país sejam retiradas.

Governo atua para evitar greve de caminhoneiros após fim do imposto zero no diesel

O governo federal está atuando para evitar uma crise com os caminhoneiros. De um lado da moeda, o Executivo busca afastar a possibilidade de uma nova greve, como a que paralisou o país em 2018.