Os estoques de gasolina, por sua vez, avançaram 4,044 milhões de barris, a 234,588 milhões de barris, ante expectativa de queda de 900 mil barris — Foto: Getúlio Moura/Petrobras/Divulgação

Os estoques de petróleo nos Estados Unidos caíram 3,522 milhões de barris, a 498,313 milhões de barris, na semana passada, segundo informou o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) do país. Analistas ouvidos pelo Wall Street Journal previam queda de 1,6 milhão barris.

Os estoques de gasolina avançaram 4,044 milhões de barris, a 234,588 milhões de barris, ante expectativa de queda de 900 mil barris.

Os estoques de destilados subiram 1,452 milhão de barris, a 145,547 milhões de barris, quando a previsão era de avanço de 600 mil barris. Os estoques de petróleo em Cushing caíram 735 mil barris, a 46,322 milhões de barris.

A taxa de utilização das refinarias nos EUA subiu de 83,9% na semana anterior para 84% na mais recente, abaixo da expectativa de alta a 85% dos analistas. Já a produção média diária do país cedeu 11,1 milhões de barris para 10,9 milhões de barris.

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Créditos do RenovaBio começam a deslanchar

Os Créditos de Descarbonização (CBio), primeiro mercado de carbono regulado no Brasil…

Brasil produz média de 2,94 mi barris de petróleo/dia em 2020, diz ANP

A produção de petróleo do Brasil atingiu média 2,94 milhões de barris por dia (bpd) em 2020, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta sexta-feira.

Aumento do ICMS em São Paulo deve reduzir competitividade do etanol frente à gasolina

Começou a valer na última sexta-feira, 15, o aumento aprovado pelo governo do estado de São Paulo na alíquota de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), de 12% para 13,3%, sobre o etanol hidratado para distribuidores e revendedores.