Foto: RAFAELA FELICCIANO-METRÓPOLES

O dia foi de preços de estáveis a mais baixos para o etanol no mercado físico paulista. Em Ribeirão Preto, o etanol hidratado teve preço de R$ 3,30 o litro, com queda de 2,94%, enquanto o anidro teve preço de R$ 3,15 o litro, inalterado.

Segundo o analista da consultoria Safras & Mercado, Maurício Muruci, as usinas seguem afastadas na ponta compradora, cientes que logo a oferta aumentará diante da antecipação da safra da cana no centro-sul. Ao mesmo
tempo, o início da colheita é sempre marcado por uma maior produção de etanol, em detrimento do açúcar.

“Outra externalidade negativa é a pressão de tancagem pelos estoques do biocombustível, que já começam a ser escoados pelas usinas para armazenamento de produto da safra nova. Pelo lado da demanda o cenário também tem sua complexidade elevada, visto que o endurecimento das medidas de afastamento social deve deprimir ainda mais as vendas, as quais em fevereiro já se mostravam muito depreciadas, em pouco mais de 1,5 bilhão de litros, baixas até
mesmo para os padrões da pandemia onde os volumes médios oscilavam entre 1,65 a 1,75 bilhão de litros ao mês. Logo a perspectiva é de novas perdas para a quarta e última semana de março, assim como para a virada de abril”,
assinalou o analista.

Autor/Veículo: Agência Safras

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Preços do petróleo mantêm rali por redução na produção do Texas

Os preços do petróleo seguiam em alta nesta quarta-feira, apoiados por uma importante redução na produção no sul dos Estados Unidos nesta semana, causada por uma tempestade de neve no Texas.

Etanol anidro cai 0,30% e hidratado sobe 0,47% nas usinas paulistas na semana

Nas usinas paulistas o etanol hidratado subiu 0,47% na semana de 11 a 15 de janeiro, de R$ 2,0639 o litro para R$ 2,0737 o litro, em média, de acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/Esalq).

Etanol hidratado caminha para fechar a semana em alta na usina

Há indicativos de negócios, ao longo dos últimos dias, levando o mercado a acreditar que o etanol vá fechar a semana em alta na usina.

Retomada das atividades favorece vendas e margens das distribuidoras de combustíveis

A flexibilização do isolamento deve levar à recuperação de vendas e margens de lucro das distribuidoras de combustíveis.