Mais quatro usinas de etanol têm autorização de produção revogada junto à ANP

Levantamento da agência aponta que outras 24 unidades estão sob risco devido a documentações pendentes

A diretoria da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) se reuniu ontem, 2, para discutir o cancelamento da autorização para operação de quatro usinas de etanol. O motivo, em todos os casos, é a falta da apresentação de documentos exigidos pela agência.

Estavam presentes na reunião o relator dos processos, Dirceu Amorelli, o diretor-geral da ANP, Rodolfo Saboia, e os diretores Symone Araújo e José Cesário, que votaram a favor dos quatro cancelamentos de forma unânime. A decisão ainda precisa ser publicada no Diário Oficial da União para entrar em vigor.

Além disso, as empresas ainda podem recorrer da decisão. No começo do mês, as usinas Avaré, da Furlan e Ester conseguiram na justiça o direito de reestabelecer suas autorizações, que haviam sido canceladas no final de julho.

Desta vez, as unidades que tiveram suas autorizações canceladas foram: Porto Seguro; Destilaria Lopes da Silva (Delos); Canitar, do grupo Comanche; e Usiban. Embora também fizesse parte da pauta da reunião, a usina São João, localizada em Santa Rita (PB), entrou com um requerimento de suspensão do processo, aceito durante a reunião.

Com os cancelamentos, o país perde uma capacidade de produção diária de 1,9 milhão de litros de etanol hidratado e 540 mil litros de anidro.

Confira no texto integral, exclusivo para assinantes, a produção individual de cada uma das usinas canceladas e a lista completa das unidades que ainda possuem pendências junto à ANP.

Petróleo fecha em alta com foco em restrição de oferta, apesar de dólar forte

O petróleo fechou em alta nesta terça-feira, 26, com o foco dos investidores voltado para a crise energética que tem elevado o preço do barril recentemente. A demanda pela commodity aumentou com a reabertura econômica e também devido à escassez de gás natural no mercado. No entanto, a oferta não tem sido capaz de compensar a maior procura.

Caminhoneiros protestam em rodovia no Pará contra reajustes do diesel

Caminhoneiros bloquearam parcialmente a rodovia BR-316, na região metropolitana de Belém, na manhã desta terça-feira (26). Dentre as reivindicações dos manifestantes, está a política de preços do óleo diesel no país.

Gestores de dinheiro estão jogando seu peso por trás da alta do preço do petróleo

A perspectiva de o petróleo Brent chegar a US $ 90 por barril está se tornando cada vez mais realista, e o West Texas Intermediate ontem atingiu o nível mais alto desde 2014. Isso está alimentando um forte sentimento de alta no mercado de petróleo.