Imagem: (Mauro Zafalon/Folhapress)

Mais de 13 bilhões de CBios. Considerando todos os créditos de descarbonização emitidos, incluindo os já aposentados, as usinas produtoras de biocombustíveis certificadas no RenovaBio escrituraram títulos suficientes para atender a 89,7% da meta do programa estipulada para 2020, de 14,53 milhões de CBios.

Segundo números divulgadas pela B3, bolsa de valores que atua como registradora do programa, o total de créditos chegou a 13,03 milhões ao final de outubro.

Por sua vez, de acordo com dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), até o final de outubro, as usinas de biocombustíveis certificadas no RenovaBio já haviam cadastrado notas fiscais suficientes para a emissão de 13,27 milhões de CBios.

Assim, é esperado que a diferença de 243,02 mil créditos seja disponibilizada no mercado nos próximos dias.

No texto completo (exclusivo para assinantes) veja um acompanhamento completo do mercado de CBios, incluindo:

– Evolução das emissões
– Estoques de créditos das usinas, distribuidoras e demais investidores
– Títulos aposentados
– Preços dos CBios – valores médios, mínimos e máximos

Fonte: novacana.com

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Mourão e Luna dizem que fundo poderia aliviar flutuações dos combustíveis

O vice-presidente da República Hamilton Mourão negou nesta segunda-feira que o governo tenha interferido na Petrobras ao indicar um novo presidente para a empresa na sexta-feira.

Os Futuros do Petróleo subiram durante a sessão dos Estados Unidos

Investing.com – Os Futuros do Petróleo subiram durante a sessão dos Estados…

Preço médio do etanol sobe na semana em 15 Estados, diz ANP

Em São Paulo, principal Estado produtor, consumidor e com mais postos avaliados, a cotação média do hidratado ficou em R$ 3,021, queda de 0,1% ante a semana anterior (R$ 3,024)