Refinaria da Petrobras em Paulínia (SP) — Foto: Paulo Whitaker/Reuters

A Petrobras informou nesta segunda-feira (29) que o preço médio do litro gasolina nas refinarias vai subir 3,5%, para R$ 2,045, a partir de terça-feira (30). É o maior patamar desde 23 de outubro do ano passado (R$ 2,0639).

O preço do litro do diesel segue estável em R$ 2,2470.

O preço médio da gasolina não mudava desde 23 de abril. A Petrobras reduziu a frequência de reajustes na gasolina. Para evitar perdas, tem utilizado mecanismo de proteção financeira (conhecido como hedge)que permite aumentar os intervalos de reajustes nos preços da gasolina nas refinarias em até 15 dias.

O repasse do reajuste ao consumidor final, nos postos, irá depender de uma série de variáveis, como a margem de revendedores e distribuidores, de impostos e da mistura obrigatória de biocombustível.

Reajuste da gasolina — Foto: Reprodução/Petrobras

Neste mês, a estatal anunciou uma mudança na divulgação dos seus preços de combustíveis. A Petrobras decidiu passar a publicar em seu site os valores dos combustíveis em todos os seus pontos de venda, e não mais a média como fazia anteriormente.

Segundo a Petrobras, a mudança na publicação dos preços atende a pedidos do mercado e da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que se queixavam de que a média nacional não dava a transparência necessária sobre como a petroleira estava atuando em seus pontos de venda.

Venda de refinarias

Na sexta-feira, a companhia informou que vai vender oito refinarias das suas 13 refinarias.

O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, disse que pretende arrecadar cerca de US$ 15 bilhões com a venda das refinarias. Juntas, elas têm capacidade de refino de 1,1 milhão de barris por dia.

O processo de venda deve ser concluído em até um ano e meio.

Fonte: G1 Economia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Preços dos combustíveis têm leve alta na semana, diz ANP

Valor médio do litro do diesel subiu de R$ 3,712 para R$ 3,714. Foi a nona semana seguida de aumento de preço.

Cerco ao carro a gasolina cresce no mundo e pressiona petroleiras

A Inglaterra anunciou, no mês passado, a antecipação, de 2035 para 2030,…

Apesar de avanço em março, importação de diesel recuou no trimestre

O vento não tem soprado particularmente a favor dos importadores de combustíveis no começo de 2021. Segundo dados do Ministério da Economia, nos três primeiros meses do ano entraram no país um pouco menos que 2,36 milhões de m³ de óleo diesel. O volume do derivado ficou 26,4% abaixo do registrado no mesmo período do ano passado.

Ministro do Iraque vê barril de petróleo a US$ 60 no 2° trimestre de 2021

O Ministro de Petróleo do Iraque, Ihsan Abdul Jabbar, espera que os preços do petróleo atinjam nível próximo de 60 dólares por barril no segundo trimestre de 2021, disse ele em entrevista ao canal de TV iraquiano Sharqiya nesta sexta-feira.