(Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

RIO DE JANEIRO/SÃO PAULO (Reuters) – A Petrobras elevará os preços médios da gasolina em suas refinarias em 5% a partir de quarta-feira, informou a companhia nesta terça-feira, enquanto o valor do diesel subirá 3%.

No caso da gasolina, é o segundo aumento seguido, após reajuste de 4% na semana passada que se seguiu a três quedas consecutivas.

No diesel, combustível mais utilizado do Brasil, a alta será a primeira desde a anunciada em 20 de agosto. Desde então, a Petrobras havia reduzido o valor por três oportunidades.

Segundo o presidente da Associação Brasileira de Importadores de Combustíveis (Abicom), Sérgio Araujo, as janelas para importações continuam fechadas, apesar de reajuste do valor da Petrobras.

Fonte: Reuters

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Estudo do governo sobre pis/cofins na venda direta de etanol pelas usinas pode compensar distribuidoras

O tempo corre contra os produtores que defendem a venda direta de…

Opep+ vai se reunir sábado para discutir extensão de cortes de produção

A Opep e seus aliados liderados pela Rússia vão se reunir no sábado para discutir a extensão dos cortes recordes na produção de petróleo.

Preço médio da gasolina nas bombas cai pela 8ª semana seguida, diz ANP

O diesel também caiu, registrando sua 6ª semana de queda; já o valor do etanol subiu, interrompendo uma sequência de 9 baixas.

Opep e China surpreendem e anunciam acordo

As bolsas da Ásia e a maioria dos mercados europeus operam em alta, impulsionados por fatores locais e um acordo entre a China e a Opep.