© Reuters.

A Petrobras vai reduzir o preço da gasolina nas refinarias a partir deste sábado (20), informou a companhia nesta sexta-feira (20). É a primeira queda no preço do combustível este ano – desde janeiro, já havia subido seis vezes.

O preço médio de venda da gasolina passará a ser de R$ 2,69 por litro, queda de R$ 0,14. O preço do diesel não será alterado e permanece em R$ 2,86 por litro.

Com a mudança, a gasolina passa a acumular alta de 46,19% desde o início do ano, enquanto o diesel subiu 41,6%.

Em dezembro, o litro da gasolina custava em média R$ 1,84. Já o do diesel saía a R$ 2,02.

Preços dos  combustíveis — Foto: Economia G1

Preços dos combustíveis — Foto: Economia G1

Troca de comando

As sucessivas altas nos combustíveis este ano irritaram o presidente Jair Bolsonaro, que indicou o general Joaquim Silva e Luna para substituir o atual presidente Roberto Castello Branco do comando da estatal, como mostra o vídeo abaixo. O mandato de Castello Branco, no entanto, termina em 20 de março, e ele segue no cargo.

A troca provocou um forte forte abalo nas ações da companhia, que chegou a perder R$ 75 bilhões em valor de mercado em um só dia.

Lucro recorde

A Petrobras encerrou o quarto trimestre de 2020 com lucro recorde de R$ 7 bilhões, apesar do momento de crise. Segundo a Economatica, o resultado é tanto recorde nominal entre as empresas brasileiras como também quando se ajustam os valores dos maiores lucros da história pela inflação.

Fonte: G1

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Etanol/Cepea: Hidratado cai em SP, depois de três meses seguidos de aumentos

Depois de subir por três meses consecutivos, pesquisas do Cepea apontam que…

Petróleo Brent fecha perto de US$ 70 por expectativas com recuperação de demanda

O petróleo Brent terminou esta sexta-feira próximo à marca de 70 dólares por barril, sustentado pelos cortes de oferta de grandes países produtores e pelo otimismo com uma recuperação da demanda no segundo semestre deste ano.

Petróleo salta com sinais de Trump de ajuda à economia e alivia pressão sobre etanol

A reação firme do petróleo após sinais positivos de Donald Trump sobre novo pacote bilionário de…

Ninguém vai interferir na política de preços da Petrobras, diz Bolsonaro após intervenção

Diante do derretimento da Petrobras após o anúncio de intervenção do Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse nesta segunda-feira (22) que não irá interferir na política de preços da estatal.v