Imagem: Pixabay)

Os preços do petróleo ampliaram suas perdas nesta terça-feira, em meio a realizações de lucros e um dólar mais forte, mas um otimismo geral quanto a uma possível forte recuperação da demanda manteve um piso para as cotações.

petróleo Brent recuava 0,66 dólar, ou 0,92%, a 70,83 dólares por barril, às 8:52 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos caía 0,64 dólar, ou 0,92%, a 68,59 dólares por barril.

Ambos os contratos haviam recuado cerca de 0,6% na sessão anterior.

“A alta anterior dos preços provavelmente foi prematura, e isso junto com o dólar mais forte e a correção nos mercados de ações está pesando sobre os preços do petróleo”, disse o Commerzbank.

Como o petróleo é precificado em dólares, uma moeda norte-americana mais forte torna a commodity mais cara para detentores de outras moedas.

Dados que mostraram recuo de 14,6% nas importações de petróleo pela China em maio também pesaram sobre os preços.

“Essa queda, no entanto, é ilusória, porque a China estava se aproveitando dos preços baixos do petróleo no ano passado, então a base de comparação está muito elevada e distorcida”, disse a corretora PVM.

Petróleo
Dados que mostraram recuo de 14,6% nas importações de petróleo pela China em maio também pesaram sobre os preços (Imagem: REUTERS/Nick Oxford)

Paradas de manutenção em refinarias na China em maio também contribuíram para as menores importações.

“O ambiente de fundamentos no mercado de petróleo segue favorável: a demanda por combustíveis está se recuperando forte, não apenas nos EUA, mas também na Europa após a retirada (parcial) de restrições”, disse o Commerzbank.

Fonte: Reuters

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Petroleiros fazem ato contra venda da Rlam e decidem no sábado se fazem greve

O Sindicato dos Petroleiros da Bahia (Sindipetro-BA) realizou ato na manhã desta quarta-feira, 10, contra a privatização da refinaria Landulpho Alves (Rlam), anunciada na terça-feira pela Petrobras, primeira de oito unidades postas à venda pela estatal.

Diesel sobe mais nas refinarias do que nas distribuidoras

Pivô de um embate entre caminhoneiros e o governo federal, a alta recente do preço do óleo diesel tem sido puxada desde o ano passado pelo primeiro elo da cadeia de venda do produto.

Risco Aumenta no Mercado de Petróleo; Saiba o que Pode Influenciar o Cenário

Um sinal preocupante sobre as eleições e os mercados americanos não pode…

Produção de biodiesel somou 6,43 milhões de m³ em 2020

Embora o setor de biodiesel não tenha saído ileso das turbulências que chacoalharem o mundo durante o ano passado, no fim das contas, 2020 não foi totalmente ruim.