(Foto: Vinícius Cardoso Vieira/Esp. CB/D.A Press.)

Os preços médios do etanol hidratado caíram em 17 Estados e no Distrito Federal na última semana, de acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilado pelo AE-Taxas. Houve alta em 9 Estados. Nos pesquisados pela ANP, o preço médio do etanol caiu 2,80% nesta semana ante a anterior, de R$ 4,184 para R$ 4,067 o litro.

Em São Paulo, principal Estado produtor, consumidor e com mais postos avaliados, a cotação média do hidratado ficou em R$ 3,852, recuo de 3,24% ante a semana anterior.

O preço mínimo registrado na semana passada para o etanol em um posto foi de R$ 3,299 o litro, em São Paulo, e o menor preço médio entre os Estados, de R$ 3,852, também ocorreu em São Paulo. O maior preço médio, de R$ 5,394 o litro, foi verificado em um posto do Rio Grande do Sul. E o preço máximo foi no Rio de Janeiro, de R$ 6,299.

Na comparação mensal, o preço médio do biocombustível no País avançou 20,40%. O Estado com maior alta no período foi o Rio de Janeiro, onde o litro subiu 26,60%, de R$ 5,226. Na apuração mensal, todos os Estados apurados e o Distrito Federal apresentaram valorização do biocombustível – no Amapá não houve apuração na mesma semana do mês anterior, portanto não foi possível comparar.

Gasolina

Os preços médios do etanol nesta semana perderam vantagem ante os da gasolina em todos os Estados brasileiros e no Distrito Federal. O levantamento considera que o etanol de cana ou de milho, por ter menor poder calorífico, tenha um preço limite de 70% do derivado de petróleo nos postos para ser considerado vantajoso. Na média dos postos pesquisados no País, a paridade é de 73,27% entre os preços médios de etanol e gasolina.

Fonte: Agência Estado

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Valor do ICMS dos combustíveis pode ser fixado pela câmara

O Projeto de Lei Complementar (PLP) 10/20 quer limitar a cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre os principais combustíveis. Intenção é deixar o preço de gasolina, etanol e diesel mais justo.

Importação brasileira de óleo de soja dispara mais de 500% antes de aval para biodiesel

SÃO PAULO (Reuters) – Como forma de atender a mistura obrigatória de…

Preço da gasolina subiu 8,65% nos dois primeiros meses de 2021, aponta Ticket Log

De acordo com o último Índice de Preços Ticket Log (IPTL), a gasolina apresentou aumento de 5,93% nos preços em fevereiro, se comparado o valor médio por litro com o registrado em janeiro.

Distribuidoras têm dez dias para explicar preço final

O Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), deu dez dias para as principais distribuidoras do país apresentarem esclarecimentos sobre o preço e a qualidade dos combustíveis comercializados.