O Brent acumulou alta de 7,2% nesta semana, enquanto o WTI registrou ganho de 8% no período (Imagem: REUTERS/Vasily Fedosenko)

Os preços do petróleo não tiveram direção comum nesta sexta-feira, mas registraram a quarta semana consecutiva de ganhos, antes de uma reunião da Opep+ marcada para o início da próxima semana.

O contrato janeiro do petróleo Brent fechou em alta de 0,38 dólar, a 48,18 dólares por barril, enquanto o vencimento mais ativo, para fevereiro, avançou 0,46 dólar, a 48,25 dólares o barril.

Os contratos futuros do petróleo dos Estados Unidos (WTI) fecharam em queda de 0,18 dólar, a 45,53 dólares/barril.

O Brent acumulou alta de 7,2% nesta semana, enquanto o WTI registrou ganho de 8% no período.

Notícias otimistas sobre potenciais vacinas contra Covid-19 da AstraZeneca e outros laboratórios deram impulso aos mercados. No entanto, questões foram levantadas sobre a “vacina para o mundo” da AstraZeneca, com diversos cientistas pregando cautela quanto aos resultados dos testes.

“Embora o lançamento de uma vacina bem sucedida deva quebrar o vínculo entre infecção e mobilidade, mesmo assim a demanda global por petróleo provavelmente só atingirá seu nível pré-pandemia em meados de 2022″, disse o JP Morgan.

Fonte: Reuters

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Cade aprova venda da Liquigás, mas com restrições

Acordo para venda da distribuidora pela Petrobras ao consórcio foi assinado em novembro do ano passado e envolve R$ 3,7 bilhões.

Brasil vai produzir gasolina com mesma qualidade dos EUA e Europa

A partir de agosto, combustível seguirá novas especificações. Preço será mais caro, o que deve ser compensado por consumo menor, diz diretora da Petrobras

ETANOL/CEPEA: Demanda aumenta e aquece mercado em SP

O mercado de etanol esteve mais aquecido na semana passada no estado de São Paulo, de acordo com pesquisas do Cepea, devido ao aumento na demanda por parte de distribuidoras.