Resumo Combustíveis 20/08/2018

Os preços médios da gasolina e do diesel nas bombas terminaram a semana em queda, mostram dados divulgados nesta sexta-feira (17) pela Agência Nacional do Petróleo, do Gás Natural e dos Biocombustíveis (ANP). O valor da gasolina caiu 0,47%, para R$ 4,44 por litro, em média, enquanto o do diesel recuou 0,18%, para R$ 3,371.

O valor representa uma média calculada pela ANP com os dados coletados nos postos, e, portanto, os preços podem variar de acordo com a região.

Na mesma semana, a Petrobras baixou os preços da gasolina nas refinarias em R$ 0,06, ou cerca de 3%, seguindo sua política de preços que reajusta os valores quase diariamente com o objetivo de acompanhar as cotações internacionais. Os reajustes são influenciados por fatores como o câmbio e a cotação do petróleo. O repasse ou não do reajuste da Petrobras para o consumidor final depende dos postos.

Já o valor do diesel nas refinarias permanece congelado, seguindo acordo feito pelo governo e os caminhoneiros para encerrar a greve da categoria, no final de maio. A previsão era de que o valor do diesel nas bombas seria reduzido em R$ 0,46. Desde a véspera da greve até agora, de acordo com o levantamento da ANP, o desconto do preço médio foi de R$ 0,22.

Em 2018, o preço da gasolina acumula aumento de 8,31%. O avanço é bem maior do que a inflação de 2,94% acumulada até julho, considerando o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). O aumento também é maior do que a inflação esperada para o ano todo, de 4,15%, considerando o último boletim Focus.

Já o preço do diesel tem alta acumulada de 1,35% em 2018, também considerando o preço médio calculado pela ANP.

O preço médio do etanol nas bombas caiu pela 10ª semana seguida, segundo a ANP. Nesta semana, o valor foi para R$ 2,646 por litro, o que representa uma redução de 1,56% na comparação com a semana anterior.

O preço médio do botijão de gás de cozinha também caiu. O recuo de 0,34% desta semana foi o 5º seguido, para R$ 68,21 em média.

Fonte: G1 Econimia

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Cadastre-se e recebe nossas notícias da semana.

VOCÊ PODE GOSTAR

Opep acentua projeção de queda para demanda global de petróleo em 2020

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) acentuou hoje sua projeção para a queda da demanda global pela commodity este ano para 9,07 milhões de barris por dia (bpd).

Incêndio atinge refinaria da Petrobras em São José dos Campos

Fogo atingiu tanques que armazenam produtos utilizados na preparação de asfalto e óleo combustível

Petróleo escorrega para nova mínima em meio a temores de recessão

Investing.com – Os mercados de petróleo continuaram a cair na quarta-feira, com…