Resumo Semanal Combustíveis 31/Jan/2020

Veja os principais fatos que ocorreram no mercado de combustíveis durante o mês de Janeiro.

FUP anuncia greve nas refinarias do país à partir de 01/02….

Janeiro se encerra com uma queda anunciada pela Petrobras de 3% no preço da Gasolina e do Diesel comercializado nas refinarias do Brasil….

Petrobras reajusta o preço dos combustíveis 3 vezes no mês de Janeiro…

Brasil estuda possibilidade de entrada na OPEP….

Preço do etanol se estabilizar nas usinas…

Governo estuda possibilidade de venda direta de etanol nas usinas…

Governo estuda mecanismos para conter alta dos combustíveis…

GPA coloca a venda rede de postos….

Petróleo sofre alta após morte do chefe das forças armadas do Irã…

DIESEL: Preço do diesel sofre queda no dia 31/01 nas refinarias do país, a queda anunciada foi de 3%, o que representou uma queda de R$ 0,0655/L

No acumulado do mês a queda foi de 10,09% para o S10 e 9,46% para o S500

Essa queda já estava prevista em nosso relatório de tendência, que mostrava que o diesel nacional estava com preços acima do diesel importado.

No dia 01/02, teremos alteração de PMPF, em SP por exemplo haverá alta no preço pauta do ICMS.

GASOLINA:  Gasolina cai nas refinarias 3% e impacto é de R$ 0,0552/L

No acumulado do mês a queda nas refinarias é de 7,29%

Essa queda também está prevista em nosso modelo de tendência, seguindo o calculo de paridade da Petrobrás.

Com a alteração do PMPF, para o estado de SP por exemplo haverá aumento no preço pauta..

ETANOL: Etanol estabiliza na semana nas usinas…..

Etanol acumula alta no índice diário divulgado pela ESALQ, principalmente com a baixa dos estoques no principal mercado consumidor que é SP. Recomendamos a manutenção dos estoques cheios

Acesse: www.valencioconsultoria.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Petróleo despenca até 13% e WTI fica abaixo de US$ 70, com temor por nova cepa

Os contratos futuros do petróleo despencaram nesta sexta-feira, 26, com recuo de até 13%. Tanto em Nova York, quanto em Londres os ativos tiveram o pior desempenho desde o início de setembro, com o WTI tendo perdido a marca dos US$ 70.

Governo vende 55 milhões de barris de petróleo do pré-sal por R$ 25 bilhões

A PPSA (Pré-Sal Petróleo SA) vendeu nesta sexta-feira (26) 55 milhões de barris de petróleo do pré-sal que pertencem à União. Pelas cotações atuais, o leilão representa uma arrecadação de R$ 25 bilhões para o governo federal no prazo de cinco anos.

Opep+ monitora nova variante da Covid-19, com receios sobre perspectiva, dizem fontes

A Opep+ está monitorando os desenvolvimentos em torno da nova variante do coronavírus, disseram fontes nesta sexta-feira, com alguns expressando preocupação de que isso possa piorar as perspectivas do mercado de petróleo menos de uma semana antes de uma reunião para definir política.