Sindicato orienta frentista a acolher caminhoneiro grevista em posto de estrada no dia 1°

Entidade diz que vai apoiar a paralisação dos motoristas autônomos

Em meio à ameaça de paralisação de caminhoneiros planejada para o dia 1° de novembro, sindicatos de frentistas começam a organizar ações de apoio aos motoristas.

Eusébio Neto, presidente da Fenepospetro (Federação Nacional dos Empregados em Postos de Combustíveis e Derivados de Petróleo), afirma que está orientando frentistas de postos de rodovias a acolherem os caminhoneiros nos estabelecimentos.

Nos próximos dias, o líder sindical planeja enviar as mesmas recomendações aos sindicatos filiados à entidade.

“Apoiamos a iniciativa porque ela é justa. A luta dos caminhoneiros vai de encontro a um anseio de toda a sociedade, incide sobre todo o consumo e encarece a vida de todo mundo. Vamos dar todo o apoio do ponto de vista de estrutura”, diz ele.

Nesta quinta-feira (28), as centrais sindicais se reuniram para divulgar um comunicado a favor do movimento dos motoristas autônomos.

O texto, assinado por CUT, Força Sindical, UGT, CTB, NCST, CSB, CSP-Conlutas e outras entidades, afirma que a pauta dos motoristas tem repercussões do interesse de todos os trabalhadores.

Nos últimos meses a categoria dos frentistas tem se articulado para combater uma proposta legislativa que tenta promover o serviço de bombas de autoatendimento nos postos de combustível, o que impactaria o emprego no setor.

com Mariana Grazini e Andressa Motter

Produção de etanol anidro cresce 22,3% no Nordeste, diz NovaBio

Com a safra 2021/22 em andamento, dados compilados pela Associação dos Produtores de Açúcar, Etanol e Bioenergia (NovaBio) sinalizam que a moagem de cana no Norte-Nordeste atingiu 28,67 milhões de toneladas no acumulado até 15 de novembro.

Valor do petróleo cai 2% e Petrobras ganha espaço para cortar preços no Brasil

O preço do barril de petróleo tipo brent atingiu os US$ 67,44 nesta quinta-feira, 2, o que representa uma queda de 2,08% em relação aos valores praticados na data anterior.

Abastecer com GNV rende quase o dobro que gasolina e etanol, aponta Abegás

Um levantamento da Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás) mostra que, atualmente, o Gás Natural Veicular (GNV) tem rendido quase o dobro da gasolina e do etanol.